SEMED E A FOLHA DA DISCÓRDIA

Charge2015-folha_de_pagamento-777435

O clima esquentou hoje nas redes sociais e nos zaps Mirienses por conta da divulgação da folha de pagamento da SEMED.

O Sintepp vinha denunciando faz tempo que a Semed escondia a relação de contratados, especialmente de temporários.

Bom, por vir depois de nove meses, eis que nasceu, ou melhor, apareceu a Folha da Semed.

E também pra variar, esse parto cesariano dolorido vem trazendo certa dor e discórdia.

Alguns dos que já viram a FOLHA DE PAGAMENTO dizem suspeitar que existem fantasmas.

Durante a gestão PINA e a interina de PESADO também ocorreu denúncia de fantasmas e de desvios de função. Mas parou no Ministério Público e ficou por isso mesmo.

O blog Poemeiro do Miri fez uma análise inicial sobre esse tal relatório resumido de contratações temporárias e pontuou suspeitas de irregularidades. Quem quiser conferir é só visitar:

http://poemeirodomiri.blogspot.com.br/2017/10/so-na-educacao-contratacao-de-peso.html

E quem quiser analisar a folha é só ver relação abaixo feita pela SEMED, com o aviso de que não se sabe ainda se é a definitiva ou se existem outros contratos que não foram lançados:

Relatorio_consolidado_dos_contratos_temporarios SEMED IG MIRI JULHO A DEZ 2017

Anúncios

SINTEPP DENUNCIA CARLÃO NA PROMOTORIA DE JUSTIÇA

REP SINTEPP X CARLAO OUT 17

 

Hoje de manhã o SINTEPP entrou com mais uma Representação contra o Secretário de Educação de Igarapé-Miri, Raimundo Carlos, o Carlão, na Promotoria de Justiça de Igarapé-Miri.

Desta vez a discordância é quanto à implantação do Conselho Municipal de Educação de Igarapé-Miri (órgão colegiado que seria constituído por 13 (treze) membros Titulares e mais 13 Suplentes, além do assento nato do Titular da SEMED-Secretaria de Educação).

Segundo o Sintepp (Sindicato dos trabalhadores em Educação Pública do Estado do Pará), “no ano de 2016, foi promulgada a Lei 5.115/2016, que dispõe acerca da criação do Sistema Municipal de Educação, prevendo nessa a instituição do Conselho Municipal de Educação – CME. Em dezembro de 2016, o então prefeito Roberto Pina Oliveira editou e publicou o Decreto nº 027/2016, que em seu texto trouxe a instituição da Comissão Municipal para implementação do Conselho Municipal de Educação do Município de Igarapé-Miri (CME), discorrendo também acerca da composição dessa e o cronograma de suas atividades”.

O Sindicato relata que já foi a primeira etapa da implantação do CME, ainda em 2016, com 05 titulares e 05 suplentes eleitos pela comunidade escolar, que e a citada Comissão de Implantação produziu Relatório e encaminhou ao Secretário Carlão, sugerindo encaminhamentos e continuidade, de modo que, já entre abril e maio deste ano, o Colegiado pudesse já estar em funcionamento para assessorar a gestão educacional.

Diz o texto da Representação apresentada ao Promotor de Justiça Titular, Daniel Menezes Barros:

No dia 18 de janeiro de 2017, em reunião ocorrida entre este Sindicato e o Secretário Municipal de Educação, o mesmo solicitou, verbalmente, que o processo inicial de implementação do CME fosse anulado e voltasse ao começo, o que foi veementemente rejeitado por este órgão sindical. No dia 05 de abril de 2017, a Coordenação da Subsede do SINTEPP de Igarapé-Miri, solicitou através do ofício nº 020/2017, a realização de reunião junto ao Secretário Municipal de Educação para tratar dos principais problemas relacionados à gestão da educação no Município de Igarapé-Miri, dentre eles a continuidade dos trabalhos para criação do CME. Entretanto a solicitação não foi atendida, novamente não sendo, nem mesmo, respondido o ofício encaminhado. Como não foi possível lograr êxito com as tentativas administrativas de conversação com o Secretário Municipal de Educação, para tratar dos problemas relacionados a educação no Município, no dia 09 de maio 2017, fora encaminhado a esse Douto Órgão Ministerial, Representação escrita, relatando as dificuldades que ora estávamos enfrentando e solicitando a intervenção quanto a realização de reunião com os membros da gestão municipal, em especial o Secretário Municipal de Educação, Sr. Raimundo Carlos Araújo Castro. Esse MM. Órgão Ministerial procedeu com a oficialização dos gestores Municipais, sendo realizada a pertinente reunião entre as partes na sala da Promotoria (13/06/2017), onde após conversação foi dado prazo para que o Secretário Municipal de Educação procedesse com as medidas necessárias ao andamento e conclusão dos trabalhos referente à implementação do Conselho Municipal de Educação. Entretanto, tal prazo se exauriu em meados do mês de agosto e o Secretário Municipal de Educação continuou inerte, em total desrespeito à essa Promotoria de Justiça, ao SINTEPP e a comunidade escolar em geral”.

Parece que a pressão ao governo Pesado só vai aumentar, pois servidores com salários atrasados, até mesmo temporários, começam a perder a paciência.

E se não aparecer dinheiro extra nos próximos meses já é dado como certo que NÃO HAVERÁ PAGAMENTO DE DÉCIMO TERCEIRO SALÁRIO.

Um vereador informou ao GM que escutou do próprio Secretário de Educação que terá que escolher entre pagar o mês de dezembro ou o décimo dos servidores efetivos.

Dos temporários nem expectativa existe para quitar os meses em atraso até o fim do ano.

Este ano não tem verba extra de repatriação. Mas algumas entidades que representam os prefeitos, como a FAMEP e CNM, tem feito pressão para que o governo federal faça um repasse a maior em dezembro, justamente para aliviar as prefeituras que estão em débito.

Essa disputa entre SINTEPP e SEMED ainda promete outros rounds, pois o governo Pesado quer fazer o que bem entende, não negocia com a categoria e muito menos aceita recomendação do Ministério Público.

Diversas ações judiciais e representações já tramitam na Justiça contra o Prefeito e Secretário desde a gestão interina, mas nem isso intimidou ou causa qualquer receio aos gestores.

Vai ver estão escutando muito a música de Luka e Latino:

Tô nem aí , Tô nem aí… 
Pode ficar com seu mundinho eu não to nem aí 
Tô nem aí , Tô nem aí… 
Não vem falar dos seus problemas que eu não vou ouvir…

PRESENTE DO DIA DAS CRIANÇAS: UM CHEQUE DE 2 MILHÕES AO PREFEITO PESADO

presente um futuro

A gestão do Prefeito Toninho Peso Pesado anda capengando com salários atrasados, falta de merenda escolar, transporte escolar, remédios no Hospital e Postos de Saúde e muitas, mas muitas queixas.

No comércio local só se escutam reclamações: “o dinheiro sumiu“, dizem até os camelôs que voltaram para a rua.

É claro que as críticas acabam sobrando para o Prefeito e de relance também para os vereadores.

A gestão de Pesado prometeu muito durante a campanha, lotou a folha com servidores temporários e agora está enrascado para fazer demissões e pagar até mesmo os fornecedores. Só a folha da Semed tem 1600 servidores, conforme se analisa no site do TCM.

Já se fala que virá uma nova CPI da Câmara, mas tomara que não acabe como a primeira sobre o LIXO DO MILHÃO. Naquele caso a pressão só serviu que alguns parlamentares ganhassem mais cargos na Prefeitura.

A salvação seria uma ajuda do Governo Federal, que é comandada por Michel Temer, aliado de Pesado, pois são do PMDB. Ou ainda de Hélder Barbalho, que está distribuindo muito dinheiro em vários municípios do Pará, inclusive para a capital do Estado.

Mas tudo o que havia conseguido era apenas um barco que não se sabe onde foi parar, já que não serviu para o transporte escolar e nem para ações da saúde. Esse barco lembra bem as nossas antigas “bajaras” que aos poucos estão sumindo, dando lugar aos ligeiros rabudos.

A outra promessa era do CAMINHÃO DO LIXO, que até agora não chegou, mas foi anunciado com pompa na página oficial da prefeitura.

Mas eis que surge um presente no dias das crianças: UM CHEQUE DE DOIS MILHÕES DE REAIS que foi entregue num evento sem muito alarde e parece que com poucos convidados.

E o cheque deve ser pesado mesmo, pois foram necessárias pelo menos seis autoridades para segurar o presente, conforme a foto de divulgação:

destaque-458131-1-igarape-miri_foto-marco-santos

O evento ocorreu na Arena Los Biras, mas estava marcado para a Praça Sarges Barros. O GM foi notificado por email mas somente nesse mesmo dia. Não se sabe o motivo da mudança do local e da forma como se encaminhou essa entrega do cheque.

Ministro Helder libera R$ 2 milhões para pavimentação de vias em Igarapé-Miri
Nesta quinta-feira (12), o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, estará em Igarapé-Miri, para liberar o investimento no valor de R$ R$ 2 milhões, destinados à execução de obras de pavimentação no município. A assinatura do convênio com a Prefeitura Municipal a partir das 16h, na Praça em Frente à Prefeitura. 
A ação faz parte de um pacote de investimentos do Ministério da Integração Nacional que buscam reduzir desigualdades regionais e promover o desenvolvimento sustentável das cidades, associando projetos de inclusão social e ações de acesso a bens e serviços públicos de qualidade.
Data: 12.10.2017 (quinta-feira) – Hora: 16h
Local: Travessa Generalíssimo Deodoro, Praça em frente à Prefeitura, Igarapé-Miri/PA.
imprensa.ministeriointegracao@gmail.com

 

Mas, ficou parecendo que a equipe de Pesado pretendeu evitar maiores aglomerações ou protestos com a visita do Ministro Hélder Barbalho, especialmente dos servidores públicos que estão com salários atrasados.

E existem outros questionamentos que já surgiram. Como vai ser feito esse asfaltamento ? Que convênio foi assinado, se o Município está com o nome sujo ? Qual o critério para liberar 2 milhões para Igarapé-Miri e o mesmo valor para Mocajuba que tem metade da nossa população ?

Onde serão feitas as obras ? Em que ruas ? As comunidades vão poder opinar sobre o destino do dinheiro ?

Ou será que vai para a Estrada da Vila Maiauatá do mesmo modo como Pé de Boto fez com as verbas do programa Asfalto na Cidade alguns anos atrás ?

Que projeto será esse, que não aparece no site do Ministério da Integração Nacional? Existe algum valor de contrapartida ? Quais as regras desse convênio ou repasse ?

Vamos esperar que esses recursos sejam bem utilizados, pois a cidade está só buracos e nossas vicinais estão abandonadas.

Enquanto isso, Hélder acelera sua campanha e distribui recursos em diversos municípios do Pará.

Se ele quiser ser candidato só poderá ficar no cargo de Ministro até o início de abril de 2018. É pouco tempo para ajudar seus aliados, especialmente do PMDB a cumprirem tantas promessas de campanha.

Vejam a última notícia divulgada pelo assessoria de imprensa do Ministro:

Mais cidades do Pará recebem investimentos Ministério da Integração

Um total de R$ 10 milhões foi anunciado pelo ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, nos últimos dias em mais cinco cidades do nordeste paraense. A iniciativa faz parte de um pacote de investimentos da pasta, que buscam reduzir desigualdades regionais. O ministro esteve em Mocajuba, Igarapé-Miri, Bujaru, Concórdia do Para e Tomé-Açu, assinando convênios com as Prefeituras Municipais para que os recursos sejam destinados à execução de obras de pavimentação asfáltica em vias públicas das cidades.

“Com um trabalho de união, estamos tomando a iniciativa para fazer com que as ações deste Ministério possam chegar em todos as cidades deste estado para transformar, desenvolver e gerar qualidade de vida à todos os nossos cidadãos e cidadãs paraenses”, destacou Helder.

A agenda iniciou na última quinta-feira (12), nas cidades de Mocajuba e Igarapé-Miri, onde o ministro anunciou a liberação de R$ 2 milhões para cada cidade iniciar a execução das obras. Já na sexta-feira (13), o líder da pasta oficializou o repasse de R$ 1,5 milhão para Bujaru, R$ 2,5 milhões para Concórdia do Pará, finalizando em Tomé-Açu, que recebeu o aporte de R$ 2 milhões.

Segundo prefeito de Concórdia do Pará, Elias Santiago, o recurso será utilizado para pavimentar mais de seis bairros que compõe a área mais antiga da cidade. “Fizemos o levantamento e decidimos revitalizar a área do nosso centro histórico, que já esta muito desgastado. Agora vamos poder embelezar nossa cidade graças a essa iniciativa. Estamos só alegria”, relatou o gestor.

“Bujaru também precisava desta atenção, e em nome do povo desta cidade eu quero agradecer não só este asfalto, mas também o caminhão coletor de lixo que recebemos do Ministério da Integração”, disse o prefeito de Buraju, Jorge Sato.

“É muito gratificante ver um benefício tão importante como este chegando em nosso município, porque ele não protege só da poeira e da lama, mas dá saúde e dignidade as pessoas. Estamos muito felizes por todo o apoio que estamos recebendo do ministro Helder”, comentou a prefeita de Tomé-Açu, Aurenice Ribeiro.

CONQUISTAS

O deputado federal e presidente da bancada paraense, Lúcio Vale, esteve presente no evento e ressaltou a parceria que vem sendo construída entre os parlamentares e o governo federal. “Mais uma vez estamos reunidos para comemorar uma pauta positiva pelo Pará, conquistada por este ministro que desde quando assumiu esta missão não parou de garantir benefícios ao estado”.

“É aquisição de equipamentos, abastecimento de água em comunidades rurais, revitalização de orlas, parcerias com a Defesa Civil, urbanização de espaços públicos e pavimentação de vias. Como senador do Pará eu só tenho que comemorar por estar conseguindo trazer tantos recursos aos nossos municípios através de um Ministério que agora trabalha ao nosso lado”, comentou o senador Jader Barbalho.

APOIO

O deputado federal, Éder Mauro, falou da importância dos municípios paraenses estarem recebendo a atenção do governo federal. “Este estado sofre nos quatro cantos com a ausência de politicas públicas por parte do governo do estado. Por isso, é fundamental recebermos esses investimentos do governo federal e, com certeza, ter um ministro paraense que traz recursos para este estado faz toda a diferença. Nós só temos a agradecer”, disse o parlamentar.

“É uma alegria muito grande estar mais uma vez acompanhando o Helder que não para mais de trazer recursos ao nosso estado, agora atendendo diversas cidades com o asfalto, que é tão solicitado pelas pessoas”, disse a deputada federal, Elcione Barbalho.

“Nós só temos que parabenizar os municípios, a nossa bancada e o trabalho do ministro Helder por todo este estado”, reforçou a deputada federal, Simone Morgado, em seu discurso.

“A situação do país é de crise, mas no Pará o que tem feito a diferença é o esforço que estamos recebendo do Helder não só no MI, mas também na articulação no restante do governo”, comentou o deputado federal, Beto Faro.

COMITIVA

A comitiva do ministro paraense foi composta pelo senador Jader Barbalho; deputados federais Lucio Vale, Elcione Barbalho, Beto Faro, Simone Morgado e Éder Mauro; deputado estadual, Iran Lima; Dilvanda Faro; gestores, vereadores, secretários e lideranças da região.

INVESTIMENTOS

Total de investimentos já liberados: R$ 36 milhões. Serviços: Reurbanização e pavimentação de vias públicas. Total de cidades beneficiadas: 20

  1. Placas (R$ 1 milhão)
  2. Uruará (R$ 3 milhões)
  3. Rurópolis (R$ 2 milhões)
  4. Ulianópolis (R$ 1 milhão)
  5. Dom Eliseu (R$ 2 milhões)
  6. Piçarra (R$ 1 milhão)
  7. Eldorado dos Carajás (R$ 2 milhões)
  8. Bonito (R$ 1 milhão)
  9. Santa Maria do Pará (R$1,5 milhão)
  10. Santa Luzia do Pará (R$1,5 milhão)
  11. Cachoeira de Piriá (R$ 3 milhões)
  12. Viseu (R$ 3,6 milhões)
  13. Curuçá (R$ 1,5 milhão)
  14. Marapanim (R$ 1,5 milhão)
  15. Terra Alta (R$ 1 milhão)
  16. Mocajuba (R$ 2 milhões)
  17. Igarapé-Miri (R$ 2 milhões)
  18. Bujaru (R$ 1,5 milhão)
  19. Concórdia do Pará (R$ 2,5 milhões)
  20. Tomé-Açu (R$ 2 milhões).

Crédito: Marco Santos

ÉGUA, TÁ CHOVENDO PEDRA DE GÊLO NO MIRI …

GRANIZO EM IG MIRI

Um pau d’água caiu na tarde de ontem da Capital Mundial do Açaí.

Até aí tudo bem. Miriense tá acostumando a encarar até chuva de bala, quando mais de água.

Mas ontem a chuva parecia mais forte que de costume e foi possível registrar que pedrinhas de gelo caíram na cidade.

Era o tal granizo e não “granito” como alguns gaiatos começaram a publicar nas redes sociais, certamente que para aumentar a zoeira sobre o tema.

Segundo o Wikipédia temos o seguinte conceito: Granizo (ou saraiva) é a forma de precipitação que consiste na queda de pedaços irregulares de gelo, comumente chamados de pedras de granizo. Essas pedras, na Terra, são compostas por água no estado sólido e medem entre 5 e 200 mm de diâmetro, sendo as pedras maiores provenientes de tempestades mais severas. A queda de glóbulos ou pedaços de gelo que têm entre 5 e 50 mm ou mais de diâmetro é denominada saraiva,sendo que este termo também é utilizado por muitos institutos meteorológicos para se referir a qualquer tempestade com queda de gelo. O código Metar classifica como GR o granizo com 5 mm de diâmetro ou mais, enquanto que quando há pedras menores é codificado como GS. É possível, dentro da maioria das tempestades, o granizo ser produzido pelas nuvens cumulonimbus.Sua formação requer ambientes de forte movimento para cima da atmosfera da tempestade (semelhante aos furacões) e baixa altura do nível de congelamento. É mais frequente a formação ocorrer no interior dos continentes, dentro de latitudes médias da Terra, confinando-se a altitudes mais elevadas dentro dos trópicos.

Esse fenômeno é pouco comum na nossa região, mas faz pouco tempo que uma forte ventania derrubou telhados e fez um bom estrago na Vila de Maiauatá.

Pode ser que seja algo raro acontecendo nestas bandas, mas pode também indicar que os efeitos da devastação na Amazônia estão a criar novos fenômenos climáticos em nossa região.

Na arena Los Biras foi possível gravar imagens da chuva de ontem, conforme divulgado no Portal G1:

https://g1.globo.com/pa/para/noticia/chuva-de-granizo-e-registrada-por-moradores-em-igarape-miri.ghtml

O Portal DOL também fez uma matéria sobre o que ocorreu ontem na Terra do Açaí:

http://www.diarioonline.com.br/noticias/para/noticia-458786-moradores-registram-chuva-de-granizo-em-igarape-miri.-veja-o-video!.html?v=762

CHUVA GRANIZO 2

POLÍCIA FAZ PRISÕES E OPERAÇÕES PARA DIMINUIR VIOLÊNCIA EM IGARAPÉ-MIRI

MIRI PEDE PAZ

Após um início de mês tumultuado na Terra do Açaí, com homicídios envolvendo professor e até pastor, além de assaltos em Escolas e comércios, a polícia entrou em ação.

E com isso vem efetivando prisões e operações na cidade e no interior.

A ROTAM vem fazendo operações em rondas diurnas e noturnas. Isso deu um certo sossego neste fim de semana. Mas muitos ainda se perguntam até quando essa “sensação de segurança vai durar ?”

Geralmente quando as coisas apertam na Terra do Açaí, a polícia militar é deslocada para fazer essas rondas, mas dias ou semanas depois desaparecem como que por encanto, do mesmo modo como chegaram.

A Secretaria de Segurança Pública e alguns deputados se comprometeram a melhorar o efetivo da PM no Município. Esse fato foi divulgado no GM, inclusive com papel passado e tudo, muitas assinaturas de autoridades e muitos se gabando de serem os “pais da criança”. Mas parece que ficou só na promessa e na propaganda.

Para quem não lembra destacamos algumas dessas matérias:

https://gazetamiriense.wordpress.com/2015/11/04/caravana-pela-paz-mirienses-vem-pedir-socorro-e-seguranca-em-belem/

https://gazetamiriense.wordpress.com/2015/11/06/movimento-igarape-miri-pela-paz-e-deliberacoes-da-segup/

Mas de todo modo, deve ser elogiada a postura do Delegado Tarsio Martins e equipe da Polícia Civil, bem como do Major Hilton Pantoja e seus comandados na PM pelos resultados obtidos nos últimos dias e que foram destaques também na mídia local e já publicados no face do GM:

https://g1.globo.com/pa/para/noticia/preso-suspeito-de-assassinar-pastor-em-igarape-miri.ghtml

https://g1.globo.com/pa/para/noticia/conselho-tutelar-resgata-crianca-de-3-anos-em-zona-rural-de-igarape-miri.ghtml

http://www.diarioonline.com.br/noticias/policia/noticia-458717-assassino-de-pastor-e-preso-e-conta-que-crime-teve-mandante.html

Vamos esperar que a Polícia torne a vida da população mais segura durante todo o ano e não somente nos momentos de crise.

POLÍCIA FAZ TRABALHO DE PREVENÇÃO EM RODOVIA DE IGARAPÉ-MIRI

blitz civil

O site da Polícia Civil do Pará divulgou ontem que está sendo feita uma Operação Policial tipo blitz na Rodovia PA-151, no trecho entre Igarapé-Miri e Mocajuba.

O local tem sido palco de vários assaltos e certamente também é rota de fuga de criminosos que atuam na região.

Boa parte dos veículos furtados/roubados em Igarapé-Miri, especialmente motocicletas, são levados para Cametá ou outras localidades, onde são clonados e vendidos.

Esse trabalho preventivo é muito importante e talvez tenha mais sucesso do que o repressivo. Parabéns para a atuação de nossas polícias, mas é importante que essa operação vire rotina para que seja eficaz.

Se noticiou que uma barreira da Polícia Rodoviária Estadual seria implantada na PA-151 perto da Ponte da Maromba. Mas até agora nada.

Dizem que falta apoio da Prefeitura. Mas a obrigação é do Estado, seja para manter a PM no local ou para garantir o efetivo.

Mas seria bom que nossas autoridades pressionem para que de fato se possa ter mais esse ponto de apoio na fiscalização. E que não sirva somente para multar ou penalizar os motoristas, mas que possa combater a criminalidade e diminua a violência na Terra do Açaí.

Vejam notícia sobre a operação policial:

blitz civil 02

Polícias Civil e Militar intensificam ações de prevenção de crimes na PA 151 em Igarapé-Miri

As Polícias Civil e Militar intensificaram desde a quinta-feira passada as operações de prevenção de crimes, principalmente roubos, na rodovia PA 151, trecho do Meruú, em Igarapé-Miri, nordeste do Estado. Nesta segunda-feira, 9, foi divulgado balanço parcial das ações policiais que envolvem desde incursões na estrada e ramais, e barreiras de fiscalização na rodovia estadual.

Desde quinta, não houve registro de assaltos na região. Os policiais evitar um assalto a ônibus, na quinta-feira passada, após impedir a ação de um grupo criminoso. Um dos suspeitos morreu em troca de tiros.

A ação policial é coordenada pelo delegado Tarsio Martins, da Delegacia do município, e major Hilton Pantoja, da PM de Igarapé-Miri. Segundo a delegada Renata Gurgel, titular da Superintendência da Polícia Civil na região do Baixo-Tocantins, a operação policial foi articulada por causa da elevação do fluxo de veículos na rodovia PA 151, registrado desde a quinta passada, devido ao deslocamento de pessoas para Belém para participar do Círio de Nazaré. Esse maior deslocamento de pessoas tende a gerar o aumento do número de roubos e acidentes ao longo da rodovia.

Assim, detalha a policial civil, as Polícias Civil e Militar de Igarapé Miri, com apoio de PMs de Mocajuba, desencadearam ações policiais com incursões e barreiras nos ramais e na rodovia, nos pontos onde foram registradas ocorrências. “Nenhuma outra ocorrência de acidente com vítimas e roubo foi registrado até o dia da grande festa religiosa na capital em toda circunscrição de Igarapé-Miri”, explica a delegada Renata Gurgel.

Ela ressalta que esse trecho da rodovia era constantemente afetada por assaltos. “Os criminosos jogavam troncos de árvores para os carros e ônibus pararem e, assim, realizavam o assalto. Agora, estamos montando barreira, principalmente no trecho de Meruú, onde era mais crítica à situação”, ressalta. Ela salienta que esse tipo de ação policial preventiva vai ser mantido com frequência naquela área da PA 151.

blitz civil 03

LADRÕES ARROMBAM O BASA, MAS NÃO CHEGARAM NO COFRE

assalto a banco

O nosso Banco da Amazônia Miriense está castigado com assaltos nos últimos anos. Na região do Baixo Tocantins não é diferente, até com casos de assaltos durante o dia e captura de reféns durante a fuga, como ocorreu em Moju.

Em 2013 tentaram explodir caixas eletrônicos do nosso Basa, conforme foto acima do Jornal Sementes.

basa miri explosao caixas

Nesta madrugada os ladrões arrombaram o almoxarifado e conseguiram entrar no Banco, mas o alarme disparou e não deu tempo de ter acesso ao cofre.

Mesmo assim levaram armas e outros bens que conseguiram dentro da área interna.

Na fuga teriam deixado até maçarico que provavelmente seria usado pra furar o cofre.

Enquanto a maioria do povo Paraense e Miriense acompanha o Círio, parte da bandidagem está aproveitando para praticar furtos e roubos.

Vamos esperar que esse fato não prejudique o funcionamento do Banco da Amazônia, pois na próxima semana se espera o pagamento dos funcionários públicos de Igarapé-Miri, que este ano passaram lisos o Círio de Nazaré.