PESQUISA FALSA: DOXA DENUNCIA FRAUDE

As eleições na Terra do Açaí se aproximam e com isso as estratégias dos pré-candidatos começam a tomar forma.

A mais recente foi a distribuição de uma falsa pesquisa eleitoral nas ruas e feiras da cidade, que teria sido encomendada ao Instituto DOXA, o mesmo que previu a vitória de Roberto Pina em 2015.

A empresa DOXA ontem mesmo divulgou nota em seu site denunciando a fraude:

fraude

INSTITUTO DOXA ESCLARECE PESQUISA EM IGARAPÉ MIRI

Em Igarapé Miri está sendo divulgada uma pesquisa de intenção de voto, tendo como fonte DOXA INSTITUTO DE PESQUISA. A Doxa esclarece que essa Pesquisa não foi feita pela DOXA, sediada  em Belém. A última pesquisa realizada foi nas eleições suplementares, em que previmos a vitória do atual prefeito. Para o pleito 2016, a Doxa ainda não fez nenhuma pesquisa de intenção de voto, mas vamos fazer. Salientamos que toda e qualquer pesquisa a ser divulgada tem que ser registrada no T.R.E. Essa não foi registrada, portanto é uma fraude e passiva de sanções.

Em ano eleitoral somente pesquisas registradas na Justiça Eleitoral podem ser divulgadas. Hoje temos 11 pré-candidatos com nomes espalhados pelas ruas, mas o registro de candidaturas só vai ocorrer em agosto.

Os casos de fraude em pesquisas podem configurar crime e resultar em multas pesadas, que chegam a mais de 50 mil reais. E assim é para evitar que candidatos malandros se beneficiem de artimanhas e enganações junto ao eleitorado.

Quem identificar as pessoas responsáveis ou quem as distribui deverá comunicar o fato na Justiça Eleitoral ou na Polícia.

A quem interessaria divulgar pesquisa dizendo que está na frente ? Que é o melhor ou o mais endinheirado ?

Na eleição suplementar de maio de 2015 foi visto pela cidade um conhecido dono de instituto de pesquisa. Estranhamente ele apareceu na folha de pagamento da prefeitura naquela época, como se fosse trabalhador braçal (???).

Esse fato ainda está sendo investigado e certamente que o TCM deverá se manifestar. Resta aguardar.

Anúncios