PONTE DO RIO IGARAPÉ-MIRI AVANÇA, MAS SEM DATA DE INAUGURAÇÃO

PONTE MIRI MAIO 01

A Agência Pará, que divulga atos do governo do Estado, noticiou no dia 27 de maio que as obras da ponte sobre Rio Igarapé-Miri estão em estágio avançado e com mais de 80% concluídos.

Vejam a matéria e fotos:

Da Redação – Agência Pará de Notícias – Atualizado em 27/05/2015 16:44:00

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Transportes (Setran), avança na construção da primeira ponte de concreto armado da Rodovia PA-151, no município de Igarapé-Miri, região do Baixo Tocantins.

Orçada em R$ 60.771.629,04, a ponte Igarapé-Miri terá 560 metros de extensão, mais 200 metros de rampa de encontro, e substituirá o trajeto atual – que ocorre através da travessia via balsas rebocáveis, diminuindo o tempo de viagem e beneficiando a população dos municípios de Abaetetuba, Barcarena, Acará, Moju, Mocajuba, Cametá, Baião e Igarapé-Miri, entre outros municípios do Baixo Tocantins.

A obra de construção da ponte sobe o rio Igarapé-Miri segue dentro do cronograma planejado. Segundo o diretor técnico de transportes da Setran, Osmar Sampaio, a trabalho já atingiu mais de 80% do total da obra. “Agora está em andamento a execução do tabuleiro de concreto, a execução do muro do sistema terra armada e o aterro do encontro E1 e E2, além da execução de guarda-corpo e guarda-rodas e a construção das defensas de proteção dos pilares”, enumerou Osmar Sampaio.

Maísa Portal – Secretaria de Estado de Transportes

PONTE MIRI MAIO 03

O tema já foi objeto de diversas matérias aqui no GM. A última foi em 15 de março deste ano PONTE DE IGARAPÉ-MIRI DEVE SER CONCLUÍDA EM JULHO.

Depois de tantos atrasos e tantas polêmicas quanto ao recolhimento do ISS dessa obra para os cofres da Prefeitura Miriense, parece que chegaremos ao fim.

Na última postagem da Agência Pará também se afirmava que 80% da obra já estava concluída.

As fotos revelam certo avanço, mas não se definiu data de entrega da obra. O prazo estimado para julho deste ano parece já estar fora da meta. Mas se sair até o fim do ano já é um alento.

E onde foi parar o dinheiro desses tributos, em especial o ISS ?

Sem portal da transparência o cidadão não sabe o que foi feito de alguns milhões de reais….

Vamos esperar que o novo prefeito coloque o Portal da Transparência para funcionar.

A ação judicial sobre esse tema, do Dr. Paulo Sérgio de Almeida Corrêa contra o Prefeito e Presidente da Câmara, já recebeu despacho do juiz da Comarca, que concedeu prazo de 10 dias para que os gestores prestem informações e depois decidir se concede liminar para obrigar os entes públicos a cumprir a Lei e divulgar as contratações e gastos do Poder Público.

A divulgação dos nomes dos servidores públicos vai poder facilitar ao cidadão que identifique se parentes do prefeito, vice, vereadores e secretários estão na folha de pagamento, o que pode configurar nepotismo.

A publicação da arrecadação de impostos e dos gastos públicos poderá dar efetivo conhecimento ao contribuinte do dinheiro que é arrecadado e onde está sendo empregado.

Muitos ainda duvidam que isso possa se tornar realidade, mas não custa sonhar e torcer pelos que lutam para que isso aconteça.

Orçada em R$ 60.771.629,04, a ponte Igarapé-Miri terá 560 metros de extensão, mais 200 metros de rampa de encontro, e substituirá o trajeto atual - que ocorre através da travessia via balsas rebocáveis, diminuindo o tempo de viagem e beneficiando a população dos municípios de Abaetetuba, Mocajuba, Cametá, Baião e Igarapé-Miri, entre outros municípios do Baixo Tocantins. FOTO: ASCOM SETRAN  DATA: 27.05.2015  IGARAPÉ MIRI - PARÁ
Orçada em R$ 60.771.629,04, a ponte Igarapé-Miri terá 560 metros de extensão, mais 200 metros de rampa de encontro, e substituirá o trajeto atual – que ocorre através da travessia via balsas rebocáveis, diminuindo o tempo de viagem e beneficiando a população dos municípios de Abaetetuba, Mocajuba, Cametá, Baião e Igarapé-Miri, entre outros municípios do Baixo Tocantins.
FOTO: ASCOM SETRAN 
DATA: 27.05.2015 
IGARAPÉ MIRI – PARÁ
Anúncios