SERÁ UMA QUESTÃO DE MALDIÇÃO ?

MALDIÇAO

A matéria é do Professor Santiago. Ele avalia crônicas de Mirienses com a política local. Vale a pena conferir.

SERÁ UMA QUESTÃO DE MALDIÇÃO?

Segundo conta Agostinho Monteiro, em seu livro Crônicas de Igarapé-Miri, 1904, ali conta o escritor e cronista miriense, de um episódio ocorrido entre Carambolas e um padre que pastoreava o rebanho do Senhor em Igarapé-Miri. Este acabou se interessando por uma sobrinha de Carambolas chamada Maria, quando aquele soube do ocorrido, mandou que um de seus escravos fingisse-se de doente grave necessitando de extrema-unção e mandou buscar em um Igarité ao Padre na Cidade, já que morava na boca do Mucajateua. 

Os homens que foram a cidade voltaram com o padre ao chegarem a casa de Carambolas o Padre foi muito bem recebido e foi anunciado que o escravo estava muito mal e que necessitava urgente dos trabalhos do Padre. Quando este entrou no local em que estava o pseudo doente, Carambolas mandou fechar a porta por dentro e juntamente com os seus escravos deu uma sonora surra no Padre com cipó de mucunã e mandou devolve-lo a cidade.

Segundo se fala o Padre havia rogado uma maldição sobre Carambolas e cronista como Agostinho Monteiro não daria ênfase a contos inverídicos da sua época. Já em décadas de 20 ou 30 o Papote também agrediu um Padre. (o  Papote para quem não sabe, era pai do Gravata, lembram aquele que morava com o seu Neco e a D. Mocinha mãe do Gel). 

Diz-se também que naquela época uma maldição também foi lançada.

Ainda há pouco na Rede Social, o Prof. Israel disse que saiu a primeira pesquisa e o resultado é de apavorar. Será que esse povo mesmo é amaldiçoado, e vai continuar votando errado de novo? Se isso acontecer temos que acreditar é maldição mesmo. Porque só sendo maldição mesmo! Ainda há tempo espero que nosso povo pare e veja o que vai fazer, pois do contrário, iremos recuar mais algumas décadas e de retrocesso já chega!!!! 

J. Santiago.

Anúncios

7 comentários sobre “SERÁ UMA QUESTÃO DE MALDIÇÃO ?

  1. E qual foi então o resultado da pesquisa? Pura maldição? Cruz credo! Valha-nos Deus! Como dizia a música daquele candidato, responsável por todo esse caos: “Mais quatro anos ninguém vai aguentar!”

  2. Então só nos resta continuar cantando mais um trecho da tal música: “Não vamos deixar! Não vamos deixar!…”

  3. OU ENTAO PROF. VAMOS CANTAR AQUELA MÚSICA DO SAUDOSO BEZERRA DA SILVA. “PARA TIRAR O MIRI DESSA BADERNA SÓ QUANDO O MORCEGO DOAR SANGUE E O SACI CRUZAR A PERNA.
    E EU ME LEMBRO QUE OS MAIS VELHOS CONTAVAM QUE UM MORADOR LA DA ANTIGA MATINHA CHAMADO SIRIRI TINHA ATIRADO NUM PADRE.
    ACHO QUE É MALDIÇÃO MESMO E DA BRABA.

    • Foi verdade, mas o Siriri ainda é vivo e é irmão do folclórico Moca, entretanto, não morava na Matinha e sim, no inicio da Estrada Alves Teixeira (Estrada da Boa Esperança). Ai está mais um caso bem lembrado pelo amigo que poderia estar relacionado com os ataques deste povo às autoridades religiosas. Quer queiram quer não, Padres, Pastores são representantes da religiosidade das pessoas, independente de igrejas. Igarapé-Miri nesse aspecto tem um retrospecto muito ruim.

Os comentários estão desativados.