I MOSTRA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA ESCOLA ENEDINA HOMENAGEA JOVEM PESQUISADORA DE ABAETETUBA

10313685_601372563301059_4061071895088817560_nA Escola Enedina Sampaio Melo, Igarapé-Miri/Pará realizou nos dias 14 e 15 de novembro de 2014 a 1ª edição da Mostra de Ciência e Tecnologia (MCTTE), com o tema “Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento social”. Durante o evento várias atividades aconteceram no interior da escola, como: exposições, roda de conversa, sessões de cúpula com o Planetário móvel da Universidade do Estado do Pará ( UEPA) e show cultural. A programação iniciou na noite de quinta-feira com a mesa de abertura que contou com a presença de diversas personalidades da educação, com também com a presença da pesquisadora homenageada Regiane Silva (abaetetubense), vencedora do prêmio “Jovem Cientista” do Programa Caldeirão do Huck – com o projeto matapi ecológico. A mesa de abertura contou ainda com a participação do miriense Maurício Pantoja representando o MOCINN Jovem e da aluna Aline Yasmin representando todos os estudantes enedinenses.
Na sexta-feira a programação iniciou às 8h da manhã com as exposições de projetos científicos construídos por alunos da escola sob orientação dos professores . Um dos momentos fortes do evento foi a roda de conversa que aconteceu pela manhã, onde Regiane Silva e Maurício Pantoja falaram de suas experiências com os projetos científicos. Mauricio que irá representar o Estado do Pará na maior Feira de Ciências e Engenharia no Mundo, que será realizada no EUA em 2015, desenvolveu um projeto eficaz de transforma o resíduo solido do caroço do Miriti em ração e carvão ativado. Já Regiane Silva é conhecida até no exterior com o “Matapi Ecológico”, em 2012 ganhou uma menção honrosa como o melhor projeto internacional na XIII Expore cerca Jove, realizada no Museu de Ciências Comos Caixa, em Barcelona (Espanha), de 29 a 31 de março. Mauricio e Regiane deram depoimentos emocionantes onde citaram suas dificuldades e conquistas, falaram também sobre o papel fundamental do professor, que segundo eles, deve acreditar sempre no aluno.Para Regiane Silva só quem pode dizer que não é possível é o próprio estudante.
A cerimônia de encerramento da I MCTEE premiou projetos em todas as áreas , assim como credenciou projetos para a participação em outras feiras, como por exemplo a FEICIMAC, MCTEA, MOSTRATEC. A programação da feira encerrou com show cultural que foi animado pela Banda Impacto, formado por alunos e Professores mirienses.

Anúncios