CAOS NA SAÚDE MIRIENSE: FUNCIONÁRIOS PARAM E VÃO PRAS RUAS

GREVE SAUDE 04

O crise na Saúde Miriense parece que chega ao ponto mais crítico, o que pode ter o nome também de caos.

Os funcionários da Saúde reuniram nesta semana, depois de bater na porta da Câmara Municipal para pedir providências.

Vejam a convocação da reunião feita pelo SINDSAUDE:

REUNIAO GREVE SAUDE

Sem apoio da maioria dos parlamentares o jeito foi sair para as ruas e parar os serviços.

GREVE SAUDE 03

Hoje somente poucos servidores compareceram no Hospital Sant’Ana.

Somente o vereador Josias Belo acompanhou o movimento. Os servidores cobram o apoio da população e dos demais vereadores.

GREVE SAUDE 02

A pauta de revindicações é grande, dentre elas: pagamento de salários, melhores condições de trabalho, pagamento de insalubridade, compra de remédios e materiais hospitalares.

O GM tem postado diversas matérias sobre a crise na saúde desde 2013. Já ocorreu troca de Secretários, indícios de desvios e até mesmo denúncia do Ministério Público. A precariedade é patente que existe até ordem da Justiça Federal para adequar o Hospital Sant’Ana ao atendimento mínimo, sob pena de multa ao prefeito e secretário de saúde.

Parece que nada adiantou, pois a situação piorou.

Resta saber como vai ser solucionado o caso, pois se aproxima o final do ano e não se tem resposta sobre o pagamento dos salários em atraso, quanto mais de décimo terceiro.

Funcionários de outras secretarias também reclamam do atraso de salários, mas ainda não definiram que providências vão adotar ou se vão esperar a maré mudar de rumo.

 

Anúncios