GUERRA DAS PESQUISAS: TEREMOS SEGUNDO TURNO NO PARÁ ?

o sr acredita em pesquisas

Das três pesquisas divulgadas até agora para a eleição ao governo do Pará, além das divergências, surge uma outra dúvida: teremos ou não segundo turno ?

A pesquisa IBOPE aponta que sim.

Esta última IBOPE muda o cenário anterior, onde Jatene aparecia na frente. A vantagem agora seria de Helder com 48% do votos válidos contra 46% de Jatene. E em segundo turno Helder levaria com 43 a 40 de Jatene.

A diferença configura empate técnico, mas em caso de segundo turno pode levar a disputa a ser ainda mais acirrada sem os demais concorrentes e com tempo igual de rádio e TV.

Ou seja, seria menos pior para os dois, já teriam mais tempo para definir o pleito.

No caso das pesquisas IVEIGA e PERSPECTIVA os números colhidos apontam vitória em primeiro turno ou muito próxima disso.

IVEIGA diz que Hélder leva, mas fica próximo de ser de primeira, com 49,8% batendo Jatene com 45,6%.

E o PERSPECTIVA diz que Jatene vai ter 51, 7% contra 44,4% dos votos válidos para Helder.

O certo é que a disputa não está definida. Os dois grupos políticos ainda não cantam vitória.

A campanha política deste ano está sendo uma verdadeira guerra, que mobiliza os principais meios de comunicação. Cada um tomando partido e abandonando qualquer tipo de escrúpulo para favorecer seus candidatos.

A Justiça Eleitoral está repleta de representações e pedidos de direitos de respostas contra ofensas.

Mas enfim, chegou o dia de votar.

Está na mão do eleitor a decisão sobre o próprio futuro político. É certo que os partidos optaram por poucas opções, em especial para o governo do Estado, mas cabe escolher os candidatos que possam melhor conduzir o Pará.

Vamos esperar que após o pleito e definição dos eleitos, seja possível formar uma ampla aliança que possa levar o Estado do Pará a melhores dias.

 

 

Anúncios